top of page
Buscar

Conjuntivite em crianças, o que fazer?!


A conjuntivite acomete a membrana que cobre os olhos, pode ocorrer por alergia, vírus ou bactéria. Entenda seus sintomas e tratamento!


Frequentemente, a conjuntivite está relacionada com a rinite alérgica, e, ao contrário das conjuntivites virais e bacterianas, a alérgica não é uma doença transmissível. Como os tipos de alergias, a conjuntivite alérgica resulta de uma reação do sistema imunológico a certos tipos de corpo estranho que produzem uma reação inflamatória exagerada.


Principais tipos de conjuntivite em criança

1. Bacteriana: tem sua inflamação causada por bactérias, e provocam a presença de secreções amarelas com pus nos olhos da criança. Esses fluidos podem dificultar a abertura ocular. É um dos tipos de conjuntivite mais fáceis de se tratar, com recursos que envolvem a aplicação de colírios antibióticos.


2. Viral: uma das formas de identificá-la é pela presença de secreção clara nos olhos da criança logo ao acordar. Assim como as doenças virais, seu tratamento é realizado para diminuir o desconforto da criança, melhorando a sensação de mal-estar. Esse é o tipo de conjuntivite mais comum. Assim como a bacteriana, esse tipo também é contagioso, por isso, é necessário cuidados adequados quando a criança já está em idade escolar.


3. Fúngica: nesse tipo de conjuntivite, o causador da inflamação é o fungo. A conjuntivite fúngica é a mais rara, principalmente entre crianças, e costuma acontecer em situações específicas, como em lesões com materiais vegetais, madeira ou sujeira.


4. Alérgica: na maioria das vezes, é provocada por pólen e ácaro, e entre os tipos, não é contagiosa.


Quais as causas da conjuntivite?

As causas podem variar entre o tipo de conjuntivite. Na que mais ocorre em crianças, a conjuntivite alérgica, as principais causas são substâncias provenientes da poeira, baratas, pelos de animais domésticos, como cães e gatos, gramíneas e pólen. No entanto, nesta doença, os ácaros que estão presentes em travesseiros e colchões são os principais responsáveis pelas crises.


Como são os sintomas da conjuntivite em criança?

O incômodo na membrana que cobre os olhos, comum na conjuntivite em criança, causa coceira, queimação, e sensibilidade à luz, conhecida como fotofobia, prejudicando assim a visão. Além disso, também podem estar presentes:


. Vermelhidão nos olhos;

. Secreções;

. Lacrimejamento;

. Inchaço nas pálpebras.


Como tratar a conjuntivite?

A forma de tratamento da conjuntivite infantil depende da causa diagnosticada pelo oftalmologista. Por exemplo: se a inflamação é provocada por bactérias, o especialista indica colírios de antibiótico ou antibiótico sistêmico, em casos mais graves como na conjuntivite neonatal por exemplo.


Já a conjuntivite alérgica é tratada com colírios antialérgicos, enquanto a viral não responde aos antibióticos e é apenas tratada com compressas frias e colírio lubrificante. Tendo isso em mente, lembre-se de usar medicamentos somente com prescrição médica, a fim de impedir a recorrência da condição, trazer mais danos aos olhos e reduzir a resistência a antibióticos.

댓글


bottom of page